Viva no sobrenatural de Deus

“Então o SENHOR disse a Moisés: Por que clamas a mim? Ordena aos israelitas que marchem”. Êxodo 14:15
Os egípcios estava cada vez mais perto do povo de Deus, porém Deus resolveu o problema colocando uma coluna de fogo impedindo a passagem e a sua aproximação. Os Israelitas não podiam retornar, somente avançar, só que não existia um caminho natural. Em sua frente apenas o mar com suas ondas avassaladoras. O que fazer? A opção era sair do natural para o sobrenatural. Moisés ergueu o seu cajado e mandou a seguinte mensagem para o povo. “Diga a Israel que marchem” Imediatamente o mar se abriu e eis que surgiu um caminho no leito do mar totalmente seco trazendo libertação do povo da perseguição do inimigo. Deus está dizendo: Que o inimigo procura confrontá-lo e alcançá-lo de alguma forma. Se você der apenas uma olhada para trás, você verá que existe uma coluna de fogo lhe trazendo proteção.
No momento, o seu mover natural lhe trará transtornos, como dívidas impagáveis, conflitos na família, problemas no setor de trabalho, desânimo no ministério que Deus lhe confiou, falta de perspectiva no futuro, medo, decepção, traumas, ansiedade, stress, falta de saúde, etc. Seja o que o for e esteja onde você estiver ouça com atenção: A voz de Moisés é clara. Saia do natural e marche na direção do mar, do sobrenatural. Um caminho será aberto. Sinta o cheiro do mar. Veja que ele está se acalmando e se abrindo bem à sua frente. É sua fé em exercício. A convicção está cada vez mais forte e a solução está em Deus. Tire o foco dos problemas e veja que a sua libertação se aproxima. Creia nisto e tome posse pois é na frente que está a sua vitória. Voltar significa morte. Em sua frente está a vida através de um novo caminho que Deus construiu especialmente pra você em Cristo.
Deixe a reclamação de lado e pare de murmurar, pois o seu livramento Deus já providenciou. Sua bênção já foi liberada. O Senhor é contigo por onde quer que andares.
Deus abençoe a sua vida neste dia…
Pr. Nélson Gouvêa

Deixe um comentário

Rolar para cima