Saia da Caverna – II Parte

Existem alguns princípios importantes para você e a sua família, viverem debaixo da Graça de Deus.
A sua estrutura física, emocional, mental e sobre tudo espiritual, estão sujeitos a abalos. Isto pode ofuscar, tampar, denegrir a visão que você tem de Deus; No entanto não se pode esquecer que se porventura, você fracassar, cair, tiver praticado escolhas erradas, lembre-se:
I° PRINCÍPIO: … O CAIR É DO HOMEM, PORÉM O LEVANTAR, É DE DEUS
Ao levantar-se, o sentido é de mudar de posição, mudar de atitude, mudar de rumo. Sair do estado que se encontra. Abrir os olhos para uma nova realidade
* Salmos 145:14 – “O Senhor sustém a todos os que estão a cair, e levanta a todos os que estão abatidos”.
* Salmos 30:5 – “Porque a sua ira dura só um momento; no seu favor está a vida. O choro pode durar uma noite; pela manhã, porém, vem o cântico de júbilo”.
Existe uma diferença entre cair e ficar permanentemente prostrado, do que cair e levantar-se renovado para enfrentar a vida de frente.
Preste atenção: Você pode nesta oportunidade estar com sua vida em frangalhos; Quem sabe, você parou de sonhar, conquistar seus objetivos. A visão do futuro era tremenda, porém de uma hora para outra você perdeu as sua forças na caminhada; O seu espírito está ferido; Você está traumatizado que nem Elias dizendo: “Não quero mais viver. Vou dar cabo da minha vida”; Então você entra na caverna e espera a morte chegar; Eu tenho uma boa noticia pra você, preste atenção. Absorva esta palavra que o Espírito Santo revela à sua vida. “Sua estrutura física, emocional, mental, espiritual pode sentir abalos sísmicos, como de um terremoto, porém Deus é suficiente para tirar você desta, erguê-lo, renová-lo, fortalecê-lo novamente. Amém”?
O medo, os problemas, as angústias, a depressão, o estresse, a ansiedade, a covardia, autocomiseração, não podem ofuscar a Graça, o Poder e o Amor de Deus sobre você. Deus o ama e quer que você entenda isto claramente. Você é especial para Ele.
Deus lhe abençoe
Pr. Nélson Gouvêa

Deixe um comentário

Rolar para cima