Na cova dos leões

Ao romper do dia, o rei se levantou e foi depressa à cova dos leões. Quando chegou à cova, chamou por Daniel com voz triste; e disse o rei a Daniel: Ó Daniel, servo do Deus vivo, acaso o teu Deus, a quem serves continuamente, pôde livrar-te dos leões? Então Daniel falou ao rei: Ó rei, vive para sempre. O meu Deus enviou seu anjo e fechou a boca dos leões, e eles não me fizeram mal algum, porque foi achada inocência em mim diante dele; e também diante de ti não cometi delito algum, ó rei. Então o rei se alegrou muito e mandou tirar Daniel da cova. Assim, Daniel foi tirado da cova, e não acharam ferimento algum nele, porque havia confiado em seu Deus. Daniel 6:19-23
Daniel, devido ao seu exemplo de vida, postura e confiança no Deus que servia, conquistou não somente a benevolência diante dos leões famintos naquela cova, como também conquistou o coração do rei. A Bíblia diz neste texto que “bem cedo o rei foi até a cova onde fora colocado Daniel e com voz triste chamou lhe pelo nome. E muito se alegrou quando viu que estava vivo”.
Aqui temos uma lição importante. Provavelmente pessoas invejosas e maldosas podem em alguma etapa de sua vida, jogá-lo na cova dos leões. Porém saiba que o anjo do Senhor estará lá para livrá-lo. Deus é sempre presente em todos os momentos. É importante ressaltar no entanto que você precisa andar cada dia em novidade de vida, sendo uma pessoa que abriga o temor do Senhor no coração. Isto fará toda a diferença na hora do livramento. Por mais faminto que os leões possam estar suas investidas serão neutralizadas e do lado de fora o rei estará lhe esperando para se alegrar com a sua vitória.
Deus abençoe as suas decisões neste dia e que você tenha o livramento necessário da parte de Deus.
Pr. Nélson Gouvêa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima