A sós, com Deus

“Tendo despedido a multidão, subiu sozinho a um monte para orar. Ao anoitecer, ele estava ali sozinho.” (Mateus 14.23)

Jesus nos ensinou em sua palavra principalmente através do seu exemplo, a importância diariamente procurarmos ter o nosso encontro de comunhão, de relacionamento com Deus. Orar com e por outras pessoas é necessário e edificante, porém ter um tempo programado à sós com o Senhor deve ser prioridade em nossas vidas.
Precisamos ter este compromisso de cultivar um relacionamento mais profundo com Deus e certamente as bençãos celestiais chegarão.

Veja o conselho que o Senhor Jesus nos dá a este respeito.

“Mas vocês, quando orarem, retirem-se, completamente a sós, fechem a porta atrás de vocês, e orem ao seu Pai secretamente; e seu Pai, que conhece os seus segredos, recompensará vocês”. Não fiquem recitando sempre a mesma oração, como os pagãos fazem, pois pensam que as orações repetitivas é que são eficientes. Lembrem-se: seu Pai sabe exatamente o que vocês precisam, até mesmo antes que vocês peçam a Ele!” Mateus 6:6-8

Quando tiramos um tempo de qualidade com Deus:

* A paz e a presença de Cristo estará presente.
* Seremos ouvidos em nossas reenvidicações.
* Teremos o consolo do Espírito Santo.
* Receberemos as orientações para o dia.
* Teremos a segurança que o Senhor nos guardará de todo mal e das tentações do inimigo.
* Se por um incidente de percurso, tivermos cometido algum pecado, teremos o seu perdão.
* Nossas emoções estarão sobre o controle do Espírito Santo.
* Nossas famílias estarão sendo cuidadas e protegidas pelo Senhor.
* O nosso amor para com Deus será renovado.
* Nossas lágrimas enxugadas pelo Espírito Santo.
* Estaremos prontos e capacitados para enfrentar os desafios e as adversidades do dia.

Certa ocasião, Soren Kierkegaard escreveu: A função da oração não é influenciar Deus, mas especialmente mudar a natureza daquele que ora.

Que Deus lhe dê todas as respostas que você precisa em seus momentos a sós com Ele.

Tenha um dia abençoado em Cristo Jesus.

Pr. Nélson Gouvêa
www.ministeriocomfamilias.com.br

Deixe um comentário

Rolar para cima